Noticias 06/06/2019 - 10:25 - Tamires Rodrigues/ Governo do Tocantins

Agência de Tecnologia da Informação firma parceria para promover melhorias no gerenciamento e segurança de dados

Workshop realizado pela USTDA com os gestores e técnicos da Agência de Tecnologia da Informação do Tocantins Workshop realizado pela USTDA com os gestores e técnicos da Agência de Tecnologia da Informação do Tocantins - ATI/ Governo do Tocantins
Workshop realizado pela USTDA com os gestores e técnicos da Agência de Tecnologia da Informação do Tocantins Workshop realizado pela USTDA com os gestores e técnicos da Agência de Tecnologia da Informação do Tocantins - ATI/ Governo do Tocantins

A parceria possibilitada pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão com a Agência de Comércio e Desenvolvimento dos EUA (USTDA) tem como objetivo promover as melhores práticas internacionais em compras públicas e a profissionalização em longo prazo da força de trabalho brasileira. Os representantes da USTDA estiveram no Tocantins para avaliar as oportunidades de projetos para apoio no setor de tecnologia da informação e comunicação no Estado.

Representantes da USTDA realizaram, entre os dias 24 e 26 de maio, um workshop com os gestores e técnicos da Agência de Tecnologia da Informação do Tocantins (ATI)  para elaboração de um plano modelo do Termo de Referência, contendo as oportunidades e necessidades atuais do Tocantins.

No Tocantins, o objetivo do projeto é atender à crescente demanda por tecnologia da informação e comunicação, trazendo melhorias para o programa eletrônico do Governo do Estado, com o gerenciamento de banda larga de rede, aplicativos, serviços e portais trazendo mais agilidade, flexibilidade e eficiência.

Iniciativa Global de Compras

A parceria do governo brasileiro é com a Iniciativa Global de Compras: Entendendo o Melhor Valor. No Tocantins, o planejamento, implementação e avaliação do Termo de Referência é realizado pelas equipes da ATI e USTDA. No termo estão presentes projetos para ser colocados em prática no Estado, como a preparação dos data centers, que é o centro de processamento de dados, com um preparo e pesquisa para a centralização de todos os processamentos do Tocantins.

Para os data centers do governo, a empresa deve analisar as demandas governamentais de aplicativos típicos de governo eletrônico, incluindo administração interna, coleta de impostos, operação de centros de atendimento ao cidadão, educação a distância, telemedicina, computação em nuvem, armazenamento e análise do volume de dados.

“O trabalho foi muito produtivo e operacional, esse processo trará oportunidades sólidas ao Tocantins, garantindo um desenvolvimento sustentável e apropriado”, disse o vice-presidente executivo da ATI, Pedro Luis de Oliveira.

Parceria

Por meio da parceria, a agência norte-americana apoiará os objetivos do Brasil de fazer investimentos eficientes, avançando ao mesmo tempo a missão de nivelar as condições para a concorrência internacional. A parceria terá como base a já existente colaboração entre a USTDA e o governo brasileiro com o objetivo de identificar soluções de alta qualidade para fazer avançar suas metas no desenvolvimento da infraestrutura.

Um dos pontos de planejamento é o estudo dos papéis e responsabilidades, com análise econômica, financeira e de impacto no desenvolvimento do projeto. Como também da viabilidade e assistências técnicas. A agência americana realizará a avaliação da proposta através de comunicação eletrônica e reuniões presenciais com o responsável pelo projeto e potenciais reguladores. 

“Os documentos produzidos e validados pela USTDA, tanto na fase de modelo como do termo final, fortalecem os conceitos de planejamento que todo projeto de sucesso precisa ter”, ressaltou Pedro Luis de Oliveira. Se o projeto for recomendado pelos consultores, eles desenvolverão os Termos de Referência oficiais, baseado no documento produzido pela ATI e critérios de seleção da empresa que conduzirá o estudo de viabilidade, com assistência técnica de acordo com o projeto nacional.

Participaram desse projeto inicial pela ATI o vice-presidente executivo, Pedro Luis de Oliveira, o superintendente de Gestão e Governança de Tecnologia da Informação, Alirio Barros, diretor de Infraestrutura, Tairone Barbosa, o gerente de Infraestrutura, Maycon Teixeira, o gerente de Segurança, Marcos Carneiro, e o gerente de Redes e Comunicação, Periano Cardoso Arantes.